Make your own free website on Tripod.com

Pontos a Ponderar

Clonagem

Pr Jandiro - Autor deste artigoO assunto do momento é "CLONAGEM" devido ao grande Ibope alcançado pela novela  que traz o título "O CLONE".

A ciência não sabe o que pôde acontecer a um elemento clonado e quais as circunstâncias que o mesmo ira viver no decorrer de sua existência.

Gênesis 1:26 "E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se move sobre a terra. " A criação do ser humano foi algo que Deus não precisou de clonagem e somente Ele tem direito a vida.

Gênesis 1:28- "E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; macho e fêmea os criou. E Deus os abençoou e Deus lhes disse: Frutificai, e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra. "

 Não estou falando como um cientista, mas procurei algumas informações básicas para que juntos entendamos o que é clonar. Desculpe os especialista as minhas palavras não técnicas, mas falo com a visão de um pastor.

A possibilidade de produzir clones humanos traz à discussão questões éticas de fundamental importância, como a escolha das características a perpetuar e o extraordinário poder de que desfrutaria o grupo autorizado a manipular a evolução do gênero humano.

Clone, do grego klon, que significa broto, é o conjunto de organismos geneticamente idênticos derivados de um mesmo indivíduo, por métodos assexuados. Essa técnica de reprodução é de uso corrente na agricultura. Monalisa, achatt e bintje, por exemplo, variedades de batata (Solanum tuberosum), são clones. Todos os exemplares de cada variedade derivam de uma única planta e compartilham os mesmos genes.

As aplicações da clonagem são economicamente promissoras, mas comportam riscos. Permitem, por exemplo, obter um rebanho de alta qualidade a partir de um único exemplar. O clone resultante, no entanto, pôde ser pouco resistente a algum fator natural que, ao sobrevir, ameaça todo o conjunto. Além disso, a reprodução assexuada, por repetir exatamente os mesmos caracteres, reduz as possibilidades evolutivas da espécie.

Na segunda metade do século XX, técnicas de clonagem foram realizadas com sucesso em anfíbios e, em 1993, os cientistas conseguiram obter clones de embriões humanos. Como no processo reprodutivo natural, o espermatozóide penetrou no óvulo recoberto por uma fina camada gelatinosa que deveria acompanhar o embrião até sua fixação no útero. Após a primeira divisão celular, a camada protetora foi destruída e as duas células receberam nova camada. Assim, ao invés de um, formaram-se dois embriões idênticos. Por razões éticas, os ensaios foram interrompidos no sexto dia após a fecundação.

Em 1997, pesquisadores escoceses do Instituto Roslim, de Edimburgo, liderados pelo dr. Ian Wilmut, apresentaram o surpreendente resultado de suas pesquisas sobre clonagem: a ovelha Dolly, primeiro mamífero e primeiro animal superior gerado por clonagem. Para produzir essa ovelha, os pesquisadores colheram células da glândula mamária de uma ovelha de seis anos (ovelha A), que foram cultivadas em laboratório. Induzidas em cultura a um estado de quiescência, essas células perderam a memória de sua diferenciação, ou seja, "esqueceram" a função que desempenhavam no organismo da ovelha A e passaram a comportar-se como células germinativas. O núcleo de uma dessas células -- no núcleo se encontra o material genético, que define as características do indivíduo -- foi extirpado e implantado no óvulo de uma outra ovelha (ovelha B), da qual se extraíra previamente o núcleo original.

Quando a fusão celular se completou, o material genético da ovelha A deu ordens químicas para que o óvulo começasse a crescer e a se dividir, como faria uma célula normal de 46 cromossomos (as células sexuais, de 23 cromossomos, não se reproduzem). O embrião em desenvolvimento foi implantado no útero de uma terceira ovelha (ovelha C), que deu à luz Dolly, filhote perfeito e saudável, geneticamente igual à ovelha A, doadora do núcleo celular.

©Encyclopaedia Britannica do Brasil Publicações Ltda.

A Clonagem

É importante conhecermos alguns pontos científicos antes de falarmos sobre a clonagem;

Mas para criar um clone, é necessário fazer essa célula parar de cumprir sua função especializada. Ou seja deve-se reprogramar a célula.

  1. Todo material genético em uma fecundação normal vem dos pais.
    Na clonagem vem somente do núcleo da célula da pessoa clonada.
  2. Se não tem núcleo não tem DNA. Portanto o DNA do clone é igual da pessoa clonada.
  3. Tanto o útero e o óvulo não interferem nas características do bebê.

Pergunta

  1. Quem são os pais do bebê?
  2. Qual a sua árvore genealógica?

É um ser? Sim mas não da descendência de Abraão, Jacó ou Etc..
Uma mulher poderá gerar um clone dela mesmo, será a suposta mãe, avó, ou o que?

Quando o anjo falou para Maria: "E, entrando o anjo onde ela estava, disse: Salve, agraciada; o Senhor é contigo; bendita és tu entre as mulheres" Lucas 1:28

Não precisamos nem citar muitos trechos bíblicos cada um descida como melhor lhe convier. Eu simplesmente sou contra.

Pastor Jandiro
www.pastorjandiro.cjb.net
colunabiblica@uol.com.br

O que você acha deste assunto? Clique aqui para enviar sua opinião!

Voltar a Seção Pontos